Como criar um gráfico de linhas comparativas no Excel

Olá, pessoal! Vamos explorar o passo a passo para criar um gráfico de linhas comparativas no Excel, usando dois conjuntos de dados para representar o desempenho de duas filiais ao longo dos meses.

Organização dos Dados para o Gráfico de linhas comparativas

  • Inicialmente, organize seus dados em uma tabela, podendo ser por filial em colunas e meses em linhas ou vice-versa, escolhendo a disposição que melhor atenda às suas necessidades.
Gráfico de linhas comparativas Organização de dados

Inserção do Gráfico:

  • Selecione a tabela completa.
  • Acesse o menu “Inserir” e escolha a opção “Gráfico de Linhas”.
  • Nesse sentido, opte pelo tipo de gráfico que melhor se encaixa, sendo recomendado o gráfico com séries independentes para facilitar a comparação.
Gráfico de linhas comparativas Inserção

Customização do Gráfico de linhas comparativas

  • Utilize a guia “Design do Gráfico” para adicionar elementos, como título dos eixos.
  • Explore opções de design ou ajuste manualmente clicando com o botão direito no gráfico e selecionando “Formatar Gráfico” ou usando o atalho “Control + 1”.
  • Dessa forma, adicione títulos aos eixos e faça ajustes visuais conforme preferência.
Gráfico de linhas comparativas Customização

Adição de Variação Percentual

  • Calcule a variação percentual entre as unidades (por exemplo, Rio de Janeiro e São Paulo) para cada mês.
  • Adicione essa variação como uma série adicional no gráfico de linhas comparativas:
    • Clique com o botão direito, escolha “Alterar Tipo de Gráfico” e selecione “Combinação”.
    • Certifique-se de que a série de variação use um eixo secundário para evitar conflitos de escala.
Gráfico de linhas comparativas Adição de valor percentual

Ajustes Finais:

  • Por fim, personalize a formatação do gráfico conforme necessário, suavizando as linhas, ajustando marcadores e adicionando rótulos de dados.
  • Se a escala das variações percentuais for significativamente diferente da escala monetária, use um eixo secundário para melhor visualização.
Ajustes finais

Conclusão

  • Experimente diferentes opções de formatação e design para otimizar a apresentação do gráfico.
  • Lembre-se de que a clareza e a precisão são essenciais ao comunicar informações comparativas.

Portanto, esperamos que essas orientações detalhadas sobre como fazer um gráfico de linhas comparativas sejam úteis! Até a próxima!