Movimentação de Bens Patrimoniais em Excel

movimentacao-bens-patrimoniais-em-excel

Movimentação de Bens Patrimoniais em Excel Movimentação de Bens Patrimoniais em Excel é a transferência de um bem entre endereços individuais da Autarquia. Ou para fora de suas dependências, depois de ocorrida a distribuição pela Unidade de Almoxarifado.

Lightbox button

Portanto, o Conceito Patrimonial visto da contabilidade, controle patrimonial e também visto do lado jurídico.

Bem patrimonial é todo e qualquer patrimônio que pode ser convertido em dinheiro. Do mesmo modo, não sendo considerados bens patrimoniais as propriedades e diretos que não tenham valor financeiro

Conheça também nossa Planilha Profissional de Controle de Ativos:

O controle do patrimônio além de ser uma exigência na legislação brasileira é uma ferramenta importante para gestão do negócio.

Uma gestão traz à empresa, evitam sanções fiscais e sem dúvida traz excelentes resultados em termos de investidores recentes e outras parcerias para empresa. Para garantir este controle criamos a Planilha de Controle de Ativos.

controle patrimonial é tratado por muitos gestores como um mero procedimento burocrático. Portanto, manter os processos contábeis em concordância com a Lei e ter em mãos relatórios financeiros dentro das normas internacionais, são ações essenciais para garantir a credibilidade da empresa e, assim, alcançar maior desenvolvimento.

Importância Controle Patrimonial

Podemos dizer que o controle patrimonial como a gestão de todo o patrimônio que uma empresa possui, desde ativos tangíveis, até os intangíveis. Os tangíveis, referem-se a bens mensuráveis e físicos, como propriedades imobiliárias e veículos automotivos. Portanto, já os intangíveis referem-se aos bens não-físicos, de difícil mensuração ou que não possuem uma representação física imediata. Como patentes e franquias.

Entretanto, a falta de controle patrimoni al inviabiliza uma visão ampla e concreta sobre o momento econômico e a real situação financeira em que a empresa se encontra. Um simples cálculo equivocado acerca da depreciação de um ativo pode levar os gestores a pagar mais impostos do que deveriam, dificultando o acumulo de capital.